10 dicas de recolocação profissional para mulheres e mães

10 dicas de recolocação profissional para mulheres e mães

São muitos os desafios que as mulheres podem enfrentar ao longo da sua trajetória profissional. Somos mais suscetíveis às influências da vida pessoal em nossa carreira. Casamento, maternidade, divórcio, uma atividade secundária que se transforma em uma paixão, a desigualdade de oportunidades, são alguns exemplos de situações que podem redirecionar o nosso caminho.

Em tempos de crise, como a provocada pelo novo coronavírus, esse cenário se torna ainda mais desafiador. Com a desaceleração da economia, que impacta diretamente a geração de empregos, a concorrência aumenta e as oportunidades diminuem. Além disso, a condição imposta pelo isolamento social, levou muitos profissionais a refletirem sobre seus anseios e ideais de vida.

Para esse momento de recolocação no mercado de trabalho ou transição de carreira, listei 10 dicas para você seguir e ficar mais próxima de conquistar o seu novo emprego.

1 - Tenha clareza dos seus objetivos profissionais

Identifique o que fez você chegar até aqui e para onde deseja seguir. Isso a ajudará a identificar as oportunidades que melhor se enquadram à sua realidade e às suas expectativas, além de norteá-la também sobre quais habilidades ainda precisa desenvolver para conquistar os seus objetivos.

2 - O que você ainda precisa desenvolver?

Para se candidatar a uma vaga de emprego é recomendável que preencha pelo menos 70% dos requisitos solicitados. O que tem te impedido de se candidatar às vagas e/ou conquistar os seus objetivos profissionais? Desenvolva esses gaps, nunca é tarde para começar.

3 - Às vezes é preciso dar um passo atrás para dar alguns à frente

Avalie as vagas não somente pelo salário, mas pelas oportunidades que aquele emprego, empresa ou projeto poderão oferecer para o seu crescimento profissional. Essa situação é muito frequente principalmente em tempos de crise, quando se está há muito tempo fora do mercado de trabalho ou em transição de carreira.

4 - Fortaleça a sua rede de contatos

Recomendo a utilização do LinkedIn. Se não tem um perfil ainda na rede profissional que mais cresce no Brasil e no mundo, providencie o quanto antes. Compartilhe suas ideias e conhecimentos com as conexões para adquirir visibilidade dos profissionais e recrutadores e ampliar as possibilidades de parcerias.

5 - Dedique-se à construção do seu perfil no LinkedIn

Preencha todos os campos solicitados; invista no desenvolvimento de um resumo assertivo; escolha bem as palavras-chaves da introdução do seu perfil, que devem estar relacionadas com as suas experiências e objetivos; identifique os profissionais que conhecem bem o seu trabalho e solicite recomendações.

6 - Pesquise sobre as empresas

Não fique restrita a candidatura em vagas. Faça também a busca ativa por empresas que possam oferecer oportunidades de acordo com o seu perfil profissional e exercite o networking. Novamente o LinkedIn será um grande aliado.

7 - Tenha consciência dos seus pontos fortes

É bastante comum em entrevistas de emprego as candidatas terem dificuldade em mostrar o seu valor. Isso tem muito a ver com a falta de conhecimento das próprias competências. Liste pelo menos duas situações pelas quais você tenha passado em cada experiência profissional e que tenha obtido resultados positivos. Quais foram os seus diferenciais para a conquista destes resultados?

8 - Identifique competências a desenvolver

Repita o exercício acima, mas agora com situações em que os resultados não foram satisfatórios. Como você acha que poderia ter feito melhor? O que faltou a você e como pode desenvolver esses comportamentos?

9 - Ninguém conhece a sua trajetória melhor do que você

Demonstrar confiança em seu discurso é essencial para transmiti-la a seus interlocutores, principalmente em entrevistas de emprego. Portanto, dedique-se às reflexões propostas acima.

10 - Dedique tempo diariamente à sua recolocação

Aconselho a dividir essa tarefa em dois turnos de duas horas cada, para não ficar cansativo. Estipular períodos longos pode te desmotivar e fazer com que procrastine.

alice castro nunes

Alice Castro Nunes

Especialista em recolocação para mulheres e mães

Related Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *